Um poema inédito de Celso Borges

Dica do blogue para leitura do post: play na música, leitura com background

http://www.divshare.com/flash/audio_embed?data=YTo2OntzOjU6ImFwaUlkIjtzOjE6IjQiO3M6NjoiZmlsZUlkIjtpOjEzODYwNjkwO3M6NDoiY29kZSI7czoxMjoiMTM4NjA2OTAtMzk1IjtzOjY6InVzZXJJZCI7aToxNDMyODcxO3M6MTI6ImV4dGVybmFsQ2FsbCI7aToxO3M6NDoidGltZSI7aToxMjk1ODc1MjM5O30=&autoplay=default
Trombone man, Rico Rodriguez

ODE A RICO RODRIGUEZ
CELSO BORGES

Juro
Por todos os dias e deuses de todas as manhãs
Por todos os estranhos socos que o mundo me dá
Juro pelo pântano que me afunda
Pela mais profunda crença no que nunca vi
Nunca toquei…

Só tu, Rico Rodriguez
Tocas minha alma pela boca

Tua música sem palavras sem rimas
Me diz tudo que tem de ser dito:
A dança da alma a parir o ouro do mundo

Só tu, Rico Rodriguez
Tocas minha alma pela boca

Nem trocadilhos de poesia rara
Nem truques da prosa de Avalovara
Nem a boina de Ernesto Che Guevara
Nem os dedos das mãos de Victor Jara
Nem o beijo de Clark Gable em Scarlett Ohara

Só tu, Rico Rodriguez
Tocas minha alma pela boca

Nem a nuvem linda de uma manhã clara
Nem o sol se pondo numa tarde rara
Nem a vanguarda louca de Tristan Tzara
Nem as pernas e a voz e os olhos de Nara

Só tu, Rico Rodriguez
Tocas minha alma pela boca

Nem trança de Prince
Trilha de Terra em Transe
Triunvirato de Roma
Trama de Truffaut
Nem o trumpete de Miles Davis

Só tu, Rico Rodriguez
Tocas minha alma pela boca

Só e só o solo do trombone sagrado de Rico Rodriguez
Ali se ouve além

Autor: Zema Ribeiro

Homem de vícios antigos, ainda compra livros, discos e jornais. Pai do José Antonio. Apresenta o Balaio Cultural (com Gisa Franco, aos sábados, das 13h às 15h, na Rádio Timbira AM) e o Radioletra (com Suzana Santos, aos sábados, às 20h45, na Rádio Universidade FM e reprise na Timbira AM, às 21h). Coautor de "Chorografia do Maranhão" (Pitomba!, 2018) e autor de "Penúltima página: Cultura no Vias de Fato" (Passagens, 2020). Antifascista.

2 comentários em “Um poema inédito de Celso Borges”

diga lá! não precisa concordar com o blogue. comentários grosseiros e/ou anônimos serão apagados

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s