Evoé, Évora!

Num dezembro que já levou Dona Teté, Joãosinho Trinta e Sérgio Britto, subiu ontem (17), aos 70, Cesária Évora, que dispensa chinelos para pisar no céu.

“Seja quente ou seja frio, se for morno te vomito”. O dito popular adaptando o apocalipse biblíco certamente não se referia à morna, ritmo cabo-verdiano popularizado mundo afora pela “diva de pés descalços”. Cabo Verde fica mais pobre, o mundo fica mais feio sem sua beleza.

Saudade!

Autor: Zema Ribeiro

Homem de vícios antigos, ainda compra livros, discos e jornais. Pai do José Antonio. Apresenta o Balaio Cultural (sábados, das 13h às 15h, na Rádio Timbira AM) e o Radioletra (sábados, às 20h45, na Rádio Universidade FM). Coautor de "Chorografia do Maranhão (Pitomba!, 2018). Antifascista.

6 comentários em “Evoé, Évora!”

  1. Dezembro ta cruel mesmo… Ainda teve a morte da jovem diplomata acreana, decorrente de malária contraída em uma viagem à África…

    1. viva a diva, lena! só agora respondendo ao comentário, com bastante atraso. obrigado pelo carinho e pelos votos. um 2012 de muita música pra ti. abração!

diga lá! não precisa concordar com o blogue. comentários grosseiros e/ou anônimos serão apagados

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s